Volta triunfal da TV Classificados | TVCLASSIFICADOS.com Televisão via Internet

SALVADOR (22/06/2014) – Volta, literalmente, às telinhas o consagrado programa de varejo TV Classificados, exibido inicialmente, na TV BAND de Salvador canal 7, Band SP canal 13, TV Tarobá Cascavel, TV Itapoan (SBT) canal 5 e TV Aratu canal 4 (CNT) ent...

webtv, tv, classificados, ofertas, promoções, liquidações, internet, shopshow

Volta triunfal da TV Classificados

Publicado por: Redação
11/10/2015 19:00:00
''''''Recorte do jornal A Tarde à época''''''
''''''Recorte do jornal A Tarde à época''''''

SALVADOR (22/06/2014) – Volta, literalmente, às telinhas o consagrado programa de varejo TV Classificados, exibido inicialmente, na TV BAND de Salvador canal 7, Band SP canal 13, TV Tarobá Cascavel, TV Itapoan (SBT) canal 5 e TV Aratu canal 4 (CNT) entre outras. Criado em outubro de 1989 e apresentado por Mike Nelson, o programa era exibido bem cedo, seis da manhã, quando os mídias ainda dormiam. Rapidamente fez sucesso e logo virou notícia ganhando espaço na mídia impressa local - Jornal da Bahia, Bahia Hoje e na mídia impressa nacional -Jornal do Brasil, Folha etc. Com pequenos anúncios de texto, fotos e em vídeo de 15 segundos, chamado de “ClassíVideo”, o programa reforçava pequenas marcas e produtos usados.

 

Hoje o formato permanece inalterado, mas inovador na forma de gravar e transmitir, ao vivo e/ou por demanda (HDTV). Muito mais abrangente com ampla área de cobertura, global. Os novos recursos tecnológicos oportunizam maior visibilidade ao pequeno anunciante. Com o surgimento das redes sociais e o constante crescimento de dispositivos móveis dotados de tecnologia de recepção de TV via internet, a TV Classificados foi repaginada e relançada recentemente, (junho de 2014) em Salvador. A TV Classificados dispõe de equipamentos, plataforma e servidores (CDN) próprios para atender esses novos desafios e conquistar a simpatia do público alvo conectado. “O sucesso se deve a forma simples de dizer as coisas” afirma Mike Nelson.

 

Com tecnologia exclusiva, única e profissional, a TV Classificados tornou realidade toda sua capacidade de criação, produção e veiculação. O objetivo foi dar rapidez, qualidade de audio e vídeo (HDTV) e permitir o acesso imediato nos dispositivos conectados.

 

Deu certo e assim, Nelson perpetua sua exclusiva forma de vender tudo onde quer que esteja, atingindo um público imensuravelmente maior que à época em que fazia TV comum (Band, SBT e CNT). "O fato é que hoje voce nao precisa mais estar numa grande rede de tv para aparecer em qualquer lugar do país", afirma Robson Santos, diretor de produção da TV Classificados

 

Hoje o programa TV Classificados com os recursos da banda larga, internet 3G e 4G garante visibilidade para marcas e produtos, antes desconhecidas do grande publico, muitas vezes mais visibilidade que a plataforma da gigante Youtube.

 

Sem limites ou fronteiras, a TV Classificados transmite sua programação para regiões antes inimagináveis, ao vivo (CDN) ou por demanda 24h.  

 

Um pouco de história de sucesso do TVClassificados:

 

GAZETA MERCANTIL

“Apresentador de Televisão opera milagre no mercado imobiliário de Salvador”

 

Salvador, da Sucursal- Em 1992, a COHBA-Cooperativa Habitacional da Bahia tinha um problema considerável nas mãos: dos 450 apartamentos do Condomínio Amazonas, construído pela Ergon e Sertenge, tradicionais empresas do mercado, e lançado em 1989 na Av. Paralela, Imbuí, restavam 223 unidades, com pouca perspectiva de venda.

 

A recessão econômica, a queda do poder aquisitivo e a incerteza política criada pelo episódio PC Farias/ Collor/CPI/Impeachment geraram uma retração que sufocava o mercado imobiliário, fazendo com que grandes esforços, como a 2º Grande Feira de Imóveis realizada em 1992, produzissem resultados desalentadores, com minguados 15% de comercialização. Neste cenário crítico, um mês depois, em outubro de 92, a COHBA resolveu relançar o Condomínio Amazônia e entregou a tarefa à Pejota Propaganda.

 


A COHBA, apesar de tudo e da imagem de encalhe das mais de 200 unidades restantes, confiava no produto e numa redução de 50% no valor da prestação do financiamento, o Plano Gradiente de CEF. Mas estes dois fatores não eram suficientes para garantir um desempenho de vendas satisfatório. Era indispensável que uma estratégia de comercialização e comunicação inusitada fosse desenvolvida. Qual?

 


Na época, dois programas de Televisão (TV Classificados e TV Shop Show, no SBT/TV ITAPOÃ) eram apresentados por um paulista de formação, mas baiano por adoção, chamado Mike Nelson, ele fugia do usual e agregava técnicas de pesquisa, propaganda, telemarketing e promoção, para vender de tudo, de lingerie até automóveis. O apresentador, com estilo muito descontraído e cômico, levava ao ar material gravado com o vendedor dos produtos, onde forçava o mesmo a oferecer preços e condições excepcionais. Ou até recusando produtos que ele considerava inadequados. Isto gerava uma enorme credibilidade, levada ao ar diariamente às 6 da manhã, antes de qualquer outra mídia.

 

A promessa era "jamais anunciar o que não é realmente barato". Por que então não usar seu testemunho e método para vender apartamentos?

 

A campanha usou Mike Nelson, sua alegria, credibilidade e audiência. Anúncios de jornal e vinhetas de TV vendiam o produto e chamavam para os programas. Nos demais canais, comerciais normais também vendiam o produto. O rádio funcionou como apoio, com texto livre, do próprio Mike Nelson. O stand de vendas no local começava a funcionar também às 6 da manhã e contava com a presença do apresentador.

 

Em menos de um mês a COHBA vendeu todos os 223 apartamentos restantes. Com crise e tudo, a criatividade em comunicação e marketing fez a venda instantânea.

 

Jornal Gazeta Mercantil/
Salvador, Sexta-Feira 27 de Novembro de 1998 Pg. 3.

 

 

Imagens de notícias

  • Recortes da época
  • Recortes da época
  • Jornais da Época
Tags:

Compartilhar

Vídeos relacionados