5 tendências de marketing digital e vendas para 2022 | TVCLASSIFICADOS.com The Mobile Television Network

Ter uma estratégia digital bem estruturada é um fator decisivo para o sucesso das empresas no próximo ano    As mudanças de hábitos de consumo e do comportamento do consumidor estão cada vez mais rápidas. Por isso, cada vez mais, as empresas e profissi...

marketing, político, digital

5 tendências de marketing digital e vendas para 2022

Publicado por: Redação
20/12/2021 22:58:19
Cortesia Pexels
Cortesia Pexels

Ter uma estratégia digital bem estruturada é um fator decisivo para o sucesso das empresas no próximo ano

 

 As mudanças de hábitos de consumo e do comportamento do consumidor estão cada vez mais rápidas. Por isso, cada vez mais, as empresas e profissionais precisam se antecipar às tendências para conseguir acompanhar esse ritmo e se destacarem.

 

Para contribuir com os profissionais que desejam se preparar para o próximo ano, a RD Station, líder no desenvolvimento de softwares voltados para o crescimento de médias e pequenas empresas, aponta 5 tendências de marketing digital e vendas para 2022. Confira a seguir.

 

1 – Curadoria de conteúdo e newsletters

Foi-se o tempo em que conseguir informação sobre algum assunto na internet era difícil. Hoje, a dificuldade não está em encontrar, mas em separar o que é relevante. É justamente para isso que serve a curadoria de conteúdo, um termo que vem sendo muito comentado no meio digital.

 

Esse papel de analisar e filtrar informações e novidades sobre um nicho pode perfeitamente ser realizado por uma empresa. Desde que haja foco nos interesses da base, o potencial é muito grande.

 

Nesse contexto, a newsletter se consolidou como uma excelente ferramenta para isso, justamente, por fazer as pessoas encontrarem conteúdos relevantes e pelo trabalho de curadoria feito.

 

Além disso, iniciativas como o Substack e os publicadores de newsletters do LinkedIn e do Twitter dão ainda mais fôlego a esse canal, amplificando a voz de quem já faz um trabalho nessas redes. E, é claro, criam mais espaço para novos criadores.

 

2 - Conteúdo baseado em dados e com análises mais profundas

Conteúdos vazios e superficiais não terão vez em 2022. Produções de valor, baseadas em dados, materiais educativos, e mesmo blogposts mais longos e completos geram mais interesse e criam leitores fiéis. E isso também vale para as redes sociais.

 

Estamos vivendo uma transição de uma era em que a quantidade de conteúdo importava, para uma nova fase em que as empresas e pessoas estão mais voltadas para a construção e consumo de conteúdos de qualidade, que tragam insights e que sejam validados por dados.

 

E para quem está preocupado em como conseguir tantos dados e informações para conteúdos mais exclusivos, é mais fácil do que pode parecer. Muitas vezes, os números gerados pelos clientes atuais podem gerar relatórios ou mesmo posts que são interessantes para clientes em potencial. Eles acabam sendo, também, uma prova de que seu produto ou serviço entrega resultados.

 

3 – Vídeos curtos nas redes sociais

Desde que chegou ao mercado, o TikTok promoveu uma verdadeira transformação na forma como produzimos conteúdo nas redes sociais. Os vídeos, curtos e com grande poder de compartilhamento, prometem continuar sendo uma importante ferramenta para o marketing digital em 2022.

 

No mesmo caminho, o Instagram anunciou, recentemente, que é uma rede social de vídeos, e não mais de fotos. Portanto, um dos canais preferidos das empresas para ações de branding e de vendas também exigirá uma mudança de estratégia no próximo ano.

 

Até o Google entrou na onda de conteúdos mais dinâmicos. Os Web Stories viraram uma nova fonte de tráfego, já que são uma oferta de conteúdo relevante em um formato com potencial de atingir uma audiência que ainda não era explorada.

 

4 – Marketing e Vendas cada vez mais juntos

Não dá mais para marketing ficar focado em gerar leads sem critérios e vendas tentar fechar negócio com todos esses contatos. Isso não é eficiente. É preciso que as duas áreas trabalhem juntas, planejando, analisando e se responsabilizando pelo processo todo de forma unificada. Dessa forma é possível atingir o Crescimento Previsível.

 

A RD acredita que o Marketing precisa passar a olhar o funil inteiro, até o momento da compra, buscando melhorar sua estratégia. Vendas, por sua vez, passa a ser uma área facilitadora, guiando o cliente, de forma personalizada, usando de forma estratégica as informações que vêm do Marketing, até fechar negócio.

 

É uma relação que para funcionar é fundamental que exista uma via de mão dupla. Da mesma forma que Marketing consegue usar a tecnologia para captar os contatos e dados de comportamento do público, Vendas também consegue captar esse tipo de informação a partir da jornada já na área comercial. Todas as informações ficam armazenadas no CRM.

 

Com isso, a tendência para 2022 é fazer com que esses dados presentes no CRM sejam devolvidos para o time de Marketing, que pode usar as informações para otimizar campanhas, melhorar a forma de fazer comunicação com sua audiência e acertar nos investimentos para geração de novos Leads.

 

5 – Marketing e Vendas conversacional

A tendência para 2022 é integrar o Marketing Conversacional ao ciclo de aquisição de leads até a gestão de contatos em Vendas. Com ferramentas simples como um botão de WhatsApp no site, é possível capturar contatos para começar a construir um relacionamento com aquele possível futuro cliente.

 

Os chatbots também estão em alta para auxiliar em todo o processo. O segredo está em integrar o Marketing Conversacional à sua estratégia de Marketing Digital de forma complementar. Oferecer conteúdo personalizado para posterior conversão também é uma ótima ideia, reforçando a autoridade através da educação.

 

Dica Bônus

Para quem deseja se aprofundar no assunto é possível acessar o RD Hostel Play, plataforma com mais de 40 aulas de grandes nomes brasileiros e internacionais do mercado sobre marketing, vendas, gestão, liderança, entre outros.

 

Sobre a RD Station

A RD Station é líder no desenvolvimento de software (SaaS) voltado para o crescimento de médias e pequenas empresas.

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar

Vídeos relacionados

Comentários